sexta-feira, 23 de novembro de 2012

livro de cabeceira: Cinquenta tons de cinza-James E.L


 
 


 

Quem ai gosta de um bom livro erótico levante a mão (quer dizer comente)!

 
Pois bem, hoje irei falar sobre Cinquenta tons de cinza.
Uau! Jesus, aqui está quiente... Ou como minha amiga espanhola fala: Me gusta, tá bom, não é essa frase... Caliente.
Quem ai já leu Cinquenta tons de cinza? Eu já li e fala serio, tem como me mandar um  Christian Grey por sedex? Se o sedex estiver caro, só me avise se tiver um Christian Grey em Cuiabá, ta bom?
Bem, Cinquenta tons de cinza começou na verdade  como uma Fic de Crepúsculo (Sim, isso mesmo que  você ouviu!) e logo depois de fazer um grande sucesso, a autora foi descoberta e então a historia se transformou num fenômeno mundial feminino.
Devo dizer que Cinquenta tons de cinza é um livro divertido, viciante, erodicamente delicioso (Claro que esse erodicamente delicioso é o Chistrian, tá bom?) de ler (Ler? Com certeza é de imaginar!), posso dizer que AMEI, sabe Anna, tem como me emprestar o Christian... Para sempre?
As mulheres no mundo inteiro foram à loucura quando esse livro está na vitrine, e não é atoa que muitos homens mesmo que escondidos leem esse livro e depois falam que não lê, sim isso mesmo que você ouviu, os homens agora estão lendo livros eróticos  femininos para que possam descobrir os desejos mais sombrios das mulheres.
Quando eu vi esse livro na vitrine da livraria simplesmente fiquei ali parada olhando... Uma gravata... Um homem poderoso e dominador... Hummm, já gostei!
Sim, sou meio louca... Meio tem certeza?
No inicio eu imaginei algo do tipo: Os dois são completamente opostos!
Mais depois de um tempo comecei a ver as coisas de outro ângulo... Sexo, sexo, sexo... Para mente pervertida*, dá um descanso vai!
Tá, claro que também foi por esse ângulo, mais também por outro ângulo... Ela é completamente controlável (o que me lembra muito da Bella) e muito ingênua em relação ao sexo( Mente pervertida  simplesmente lembra-se de Christian...  Vai tomar um banho frio, vai!).
Quando a gente começa a ler, parece que não consegue mais parar... Tipo é pervertido e sarcástico... O que uma mulher gosta. E como eu sou curiosa fiquei lendo o livro enquanto imaginava as cenas calientes (Culpo totalmente a minha outra eu... Apresento-lhes, A Mente Pervertida), e do nada dava um calor (Não era por causa do calor em Cuiabá, não).
O homem é bem quente e pelo jeito A-M-A sexo, o que me faz começar a achar que a vida é para ser curtida.
Podemos perceber que o nosso Deus Grego do Sexo (Me gusta! Mente pervertida fala com um olhar a lá Bruna surfistinha,kkkkk) é um homem perturbado por um passado conturbando  e a Anna, uma garota simples e que possui uma liberdade que fascina o nosso Dominador Maníaco( Uiu, é só meu!).
O livro é completamente viciante, e eu falo serio.
Eu não consegui largar, até que quando cheguei no final... Perguntei: Ahhh Acabou?

 
Agora uma prevê sinopse:

 
Quando Anastasia Steele entrevista o jovem empresário Christian Grey, descobre nele um homem atraente, brilhante e profundamente dominador. Ingênua e inocente, Ana se surpreende ao perceber que, a despeito da enigmática reserva de Grey, está desesperadamente atraída por ele. Incapaz de resistir à beleza discreta, à timidez e ao espírito independente de Ana, Grey admite que também a deseja - mas em seus próprios termos. Chocada e ao mesmo tempo seduzida pelas estranhas preferências de Grey, Ana hesita. Por trás da fachada de sucesso - os negócios multinacionais, a vasta fortuna, a amada família -, Grey é um homem atormentado por demônios do passado e consumido pela necessidade de controle. Quando eles embarcam num apaixonado e sensual caso de amor, Ana não só descobre mais sobre seus próprios desejos, como também sobre os segredos obscuros que Grey tenta manter escondidos.
E.

                                                                                                

Nenhum comentário :

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...